quinta-feira, 29 de abril de 2010

Thomaz Farkas e a condição brasileira

Durante uma década, entre 1961 e 1971, o fotógrafo, professor, produtor e documentarista Thomaz Jorge Farkas registrou diversos momentos sobre o cotidiano brasileiro que estão reunidos em uma série “A condição brasileira”. Este acervo hoje é considerado um registro único e fidedigno de uma época. Ao todo são 29 documentários sobre diversos temas tipicamente nacionais, como, futebol, cangaço, religiosidade, a vida dos nordestinos em São Paulo, as escolas de samba do Rio, paisagens turísticas, pessoas e ações. Em homenagem ao trabalho de Farkas, o Instituto Moreira Salles apresenta a mostra “Thomaz Farkas e a condição brasileira”, do dia 30 de abril ao dia 6 de maio de 2010, no Rio de Janeiro.

A exposição, além dos 29 filmes que compõem a série, também vai exibir outras películas de Farkas e um documentário sobre seu trabalho. “Os filmes resultam da paixão de seus realizadores e de seu produtor. (...) São filmes que se adiantaram há seu tempo. (...) Tudo era contra, a começar pela censura rigorosa à circulação de toda e qualquer informação”, declara José Carlos Avellar, diretor da programação de cinema do Instituto Moreira Salles.  A obra de Farkas também está disponível no projeto “Tomaz Farkas/documentários” em sete Dvds da Videofilmes. O IMS fica na Rua Marquês de São Vicente, 476, na Gávea, Zona Sul do Rio. Informações pelo telefone (21) 2239-5559


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse sua opinião em 100 caracteres.

Um pouco da minha infância

Nasci em Jacarepaguá, na extinta maternidade do Tanque, fui criada na Taquara, um bairro do subúrbio, na Zona Oeste, do Rio de Janeiro,...