sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Tristeza no samba: Quinho abandona o Salgueiro

                                       Foto: Letícia Pontual  

O intérprete Quinho, dono de um vozeirão de dar inveja, não é mais o comandante do microfone da G.R.E.S Acadêmicos do Salgueiro. Ele se despediu da escola, na quinta-feira, 18. “Não estava mais com alegria. Eu estava me sentindo preterido. Vou deixar a escola colocar um puxador com mais pujança do que eu. Se eu sou o problema, então o problema está resolvido", declarou o cantor, que não desfila no sábado das campeãs (20/02).

Ele defendia a vermelha e branca há oito anos e já havia estado na escola entre os anos de 1995 a 2000 e de 1990 a 1993.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse sua opinião em 100 caracteres.

Confira o que Bolsonaro e Haddad já fizeram pelo país

O QUE BOLSONARO JÁ FEZ Cumprindo mandatos na Câmara dos Deputados desde 1991, Jair Bolsonaro (PSL-RJ) já apresentou cerca de...